O Prisioneiro do Céu – Carlos Ruiz Zafon (El Prisionero Del Cielo – The Prisoner of Heaven)

O Prisioneiro do Céu - Carlos Ruiz Zafon (El Prisionero Del Cielo - The Prisoner of Heaven)

o prisioneiro do céu

Comprei esse livro na ânsia por saber o que mais Zafon poderia ter escrito após a história, com o perdão da palavra, foda de A sombra do Vento.
Na verdade comprei o box com a trilogia de histórias que se passam em Barcelona e se relacionam com o Cemitério dos Livros Esquecidos, que são A Sombra do Vento, O Prisioneiro do Céu e O Jogo do Anjo, que pasmem é citado em O Prisioneiro do Céu. Há sim uma pequena conexão entre as histórias.
Enfim, super mega empolgada pela outra história peguei esse livro rapidamente para ler assim que chegou, e posso dizer que não me decepcionei com ele. A história é escrita por Zafon né, puta cara bom com a linguagem! O texto dele é impecável e gente, dá pra adorar mais alguém que o Fermin nessa história? Eu simplesmente adoro ele, meu personagem preferido dos dois livros com certeza!
Gostei da ideia de Zafon de ter desenvolvido mais o lado obscuro da vida do Fermin e clarificado algumas coisas a respeito do passado da mãe de Daniel, mas não posso comentar muito sobre a história aqui no comentários gerais para não dar spoilers pra quem ainda não leu A Sombra do Vento.
Aliás, se você não leu A Sombra do Vento, o que você está esperando para começar? Sério, você está perdendo tempo da sua vida enquanto poderia estar lendo uma história que vai detornar sua mente de tanto prazer.

Posso dizer que achei o livro muito breve. O Zafon podia ter escrito mais aí no final. Fiquei com a impressão que ele deixou coisas em aberto para outra possível continuação…será!? E por ser menor que a Sombra do Vento, arrisco-me a dizer que o Prisioneiro do Céu até caberia dentro de A sombra do Vento, mas enfim, acho que por motivos obviamente capitalistas em primeiro lugar, foi lançando depois. Também penso que Zafon pode ter retirado esses detalhes sobre a vida de Fermin do livro por não achar tão relevante para a história principal, e enfim, depois ter decidido publicá-lo já que A sombra tinha sido um enorme sucesso e obviamente todo mundo ia querer saber mais sobre os personagens tão legais que ele havia apresentado.

O livro veio num momento que consegui saborear cada trecho. É impressionante o que uma boa história pode fazer por vocês…maravilhas, eu garanto.
SPOILER ALERT
*****************
Eu não tenho tanto pra falar que contenha spoilers. Só digo que achei interessante Fermin não ter estado na rua e “encontrado” Daniel por acaso naquele dia do incidente com Clara. E adorei toda a conexão da vida dele com a de Daniel que não é explicitada no primeiro volume.
Pra mim Zafon deveria ter explicitado mais a natureza do relacionamento de Martin com a mãe de Daniel, além do que está escrito na carta que ele deixa, mas enfim, o apresentado não foi de todo mal e por último, a história poderia ter sido mais desenvolvida. Achei que muitos pontos ficaram abertos no final como esse da relação Martin/mãe de Daniel, onde foi parar o maluco do diretor do presídio,etc.

 

PARA ESTUDANTES DE INGLÊS
Esse livro assim como A Sombra do Vento é um livro com certeza para um nível intermediário a avançado, já que o vocabulário usado por Zafon é rico e escolhido a dedo. Como a história é composta de muitos detalhes, é imprecindível que eles sejam entendidos, então uma pessoa muito crua no léxico não conseguiria aproveitar a história.

 

——————————————————————————————————————————————————————————-

 

I bought this book with the eagerness of knowing what else Zafon could have written after the story, I beg your pardon, fucking awesome of The Shadow of The Wind.
Actually I bought the box with the trilogy of stories that happens in Barcelona and are related to The Forgotten Book’s Cemetery, which are The Shadow of The Wind, The Prisoner of the Heaven, and The Angel’s Game, which is quoted on The Prisoner of The Heaven. There’s indeed a little connexion between the stories.
Well, feeling super duper excited about the other story I picked up this book quickly to read as soon as it arrived at home, and I can say I was not disappointed. The story is written by Zafon, so come on, you know he’s the man of the language! His text id impeccable and guys, can you adore somebody else but Fermin on this story? I simply adore him, he’s my favourite character of the two books for sure!
I liked the idea that Zafon had developed more about Fermin’s dark past on this book, and also clarified more about Daniel’s mother past, but I can’t make many comments about the story itself because I don’t want to give spoiler here to whom did not read The Shadow of The Wind.
By the way, if you did not read The Shadow of The Wind, what are you waiting for to start? Serious, you’re missing time on your life you could be reading the story that will definitely blow your mind of pleasure.

I can say that I think the book is to brief. Zafon could have written more in the end. I had the impression that he left some stuff kind of opened to a possible sequel…will it be? And because this book is shorter than the Shadow of the Wind I risk to say that it could fit inside the Shadow of The Wind, but anyway, I believe that first due to obvious capitalistic reasons, it was released later. I also believe that Zafon might have removed this portion of the story with details about Fermin’s life, because he thought it wasn’t relevant to the main story of the Shadow, and well, after the release and huge success of The Shadow, he decided to publish it, since everybody would want to know more about the characters he had presented.

This book came in a moment I could feel each flavour contained on each quote.It’s impressing how much a good story can do for you…wonders, I assure.

SPOILER ALERT
*****************
I do not have much to speak which contain spoilers. I only say that I thought pretty interesting Fermim not being by chance on the street where he “found” Daniel on that incident with Clara episode. I loved the connection of his life (Fermin’s) with Daniel’s life that is not showed on the first volume.
For me, Zafon should have explained more the nature of the relationship of Martin and Daniel’s mother, besides what’s written on the letter that Martin left to Daniel, but anyway, the presented was not so bad, and at last, the story could have been more developed. I thought that a lot of points were left opened as this one on Martin and Daniel’s mother relationship, where the hell the crazy director from the prison was, etc.

Compartilhe

Posts recomendados

Deixe uma resposta

Observações

  1. Mi,

    fico impressionada com a quantidade de livros que você lê. Você poderia fazer um post com dicas de aproveitamento de tempo, porque eu sei o quanto você trabalha. Conta esse milagre pra gente? Beijos

    • E vc acredita q eu acho que leio pouco? Esse ano tô com um desafio aí de ler 30 livros. Talvez eu não consiga bater mas acho que vou ficar por poucos.
      Pode deixar que vou tentar fazer um post então contando o “milagre” da multiplicação da leitura hehehe, mas é mais porcentagem de organização mesmo do que milagre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>