Entrevista com CM Carpi

Entrevista com CM Carpi

Snapshot 2 (23-01-2020 22-36)

Esse era um vídeo que eu queria fazer fazia tempo, afinal só tínhamos posts no blog dos livros da Maitê (a.k.a. CM Carpi) e nenhum vídeo.

Então aqui no blog farei um apanhado desse papo.

Eu pedi para a Maitê explicar o motivo do pseudônimo CM Carpi, e ela contou que quando escreveu o primeiro livro, como ele tinham muitas cenas mais sensuais ela ficou com um certo medo do julgamento mesmo das pessoas quando lessem e soubessem que tinha sido ela que escreveu. O pseudônimo veio então do próprio nome dela ao contrário (Maitê Cristina virou Cristina Maitê – CM) e o Carpi é o sobrenome da mãe dela.

Hoje em dia ela continua assinando como CM  Carpi mas não se importa que os leitores e fãs a marquem como Maitê em posts sobre as histórias.

Outro pedido foi para que ela explicasse porque resolveu unir os dois volumes de Por trás daqueles olhos e Por trás daqueles olhos para sempre  em um volume único e ela contou que acabou decidindo isso após tomar conhecimento de que uma leitora super fã da história acabou falecendo antes de ler o segundo volume e saber o que acontecia no final. Na época ela ficou muito impressionada e pensou muito a respeito do ocorrido, e então acabou chegando a conclusão de que não faria mais histórias em vários volumes porque não gostaria que quem quer que começasse ler uma história dela terminasse o livro sem saber como a história acabaria.

Quando perguntei  sobre o livro mais difícil de escrever até hoje eu já sabia que ela diria que era A garota que eu amo, pois o livro trás assuntos muito pesados e sombrios, e portanto muito mais difíceis de serem abordados.

Agora quem adivinha os personagens preferidos dela!? Como disse, ela deveria dizer que são todos mas…ela citou Daniel de Por trás daqueles olhos, que foi seu primeiro personagem, porém os outros dois mega queridinhos são Gui, de A garota que eu amo, e Nate de Tinha que ser você (pra mim o melhor livro! embora meu personagem preferido seja o Adam de Com todo o meu coração).

Dentre seus escritores preferidos ela cita Colleen Hoover e Harlan Coben, de longe as suas duas maiores inspirações quando ela está escrevendo pelo fator você não consegue desgrudar do livro enquanto está lendo, e a escritora brasileira preferida seria a Carina Rissi, pois a escrita dela também é perfeita e fofa.

Sobre livros que marcaram a sua vida, na infância ela lia muitos contos de fadas, e seus preferidos eram João e Maria (meu também!) e Pequeno Polegar; na adolescência Feliz Ano Velho (meu também! muitas coisas em comum!); na juventude  vários do Sidney Sheldon na fase de amar romances policiais (eu já fui na Agatha Christie nessa minha fase), pra depois cair na fixação por Crepúsculo, e dos mais atuais seria O segredo do meu marido da Liane Moriarty.

Projetos Novos! Sim sim ela tem, e um deles é uma história que ela já começou a escrever inspirada na leitura de Ele e Nós. Ou seja meus amigos, teremos casal gay em evidência e eu já estou aqui dando pulinhos de ansiedade pra saber tudo que vai acontecer na história desse novo casal. Eu sei de alguns detalhes que me fazem querer ler demais e saber tudo sobre eles, mas por enquanto não posso comentar nada. Porém prometo fazer a Maitê voltar aqui falar da história antes dela lançar o livro agora que finalmente consegui fazer ela perder a vergonha de gravar comigo  😉

This was a video I wanted to make a long time ago, after all we only had blog posts about Maitê’s books (a.k.a. CM Carpi) and no videos.

So here on the blog I will take a glimpse of this conversation.

I asked Maitê to explain the reason for the pseudonym CM Carpi, and she said that when she wrote the first book, since it had many more sensual scenes, she got a certain fear of judgment from people who would read it and knew it was she who wrote. The pseudonym then came from her own name in reverse (Maitê Cristina became Cristina Maitê – CM) and Carpi is her mother’s surname.

Currently, she continues to sign as CM Carpi but she doesn’t care that readers and fans mark her as Maitê in posts about her stories.

Another request was for her to explain why she decided to join the two volumes of The light in your eyes and Por trás daqueles olhos para sempre in a single volume and she said that she ended up deciding this after learning that a super fan of the story ended up dying before reding the second volume and know what happened at the end. At the time, she was very impressed and thought a lot about what happened, and then she came to the conclusion that she wouldn’t write more stories in several volumes because she wouldn’t want anyone who started reading a story to finish the book without knowing how the story would end .

When I asked about the most difficult book to write, I already knew that she would say she was A garota que eu amo, because the book brings very heavy and dark subjects, and therefore much more difficult to be approached.

Now who guesses her favorite characters !? As she said, she should say that they are all favorites but … she quoted Daniel from The light in your eyes, who was her first character, but the other two favorites are Gui, from A garota que eu amo, and Nate from Tinha que ser você (for me the best book! although my favorite character is Adam from Com todo meu coração).

Among her favorite writers she mentions Colleen Hoover and Harlan Coben, by far her two biggest inspirations when she is writing due to the fact that you can’t get out of the book while reading them, and the favorite Brazilian writer would be Carina Rissi, because her writing  is too perfect and cute.

About books that marked her life, in her childhood she read many fairy tales, and her favorites were João and Maria (mine too!) And Pequeno Polegar; in adolescence Feliz Ano Velho (mine too! many things in common!); in her youth several of Sidney Sheldon in the phase of loving detective novels (I was into Agatha Christie in my phase), to later fall for Twilight, and the most current  outstanding book would be The Husband’s Secret from Liane Moriarty.

New Projects! Yes, yes, she does, and one of them is a story that she has already started to write inspired by the reading of Him and Us. In other words, my friends, we will have a gay couple in evidence and I am already here jumping in anxiety to know everything that will happen in the story of this new couple. I know some details that make me want to read a lot and know everything about them, but for now I can’t say anything. However I promise to make Maitê come back here to talk about the story before she releases the book now that I finally managed to make her lose the shame of recording with me 😉

 

Compartilhe

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>